2 de dezembro de 2016

há nacos de prosa que devem ser alcandorados a divertimento nacional.
incluído nesta categoria está este texto http://www.dn.pt/portugal/interior/e-preciso-deixar-de-servir-a-banca-em-sintra-5530095.html.
demasiado ridículo para que possa ser levado a sério.
as palavras do dito candidato à Câmara de Sintra são um ataque à inteligência de cada um dos sintrenses.
bastava pensar no que disse este candidato por o PSD ter apoiado o Pedro Pinto nas últimas eleições e verificar agora o apoio que acolheu de braços abertos desse mesmo partido, para perceber que afinal o que está em causa é o poder, seja a que custo for.
que se dane a ética, a verticalidade e tudo o resto...
mas atenção que vale para o candidato e para o PSD, já que os dois disseram um do outro o que Maomé não disse do toucinho...
depois basta pensar na situação em que ficou o município e olhar agora para o actual momento e para o esforço que foi feito para que hoje a Câmara de Sintra seja uma edilidade respeitada por todos.
mas claro que isso ao candidato agora apoiado pelo PSD pouco importa e ao PSD ainda importa menos.
diz o candidato que o Movimento está a crescer...
tem razão. desde que foi tornado público o apoio do PSD cresceu sim mas... para baixo.
isto é o que faz andar arredado da realidade...
olhar só para o nosso umbigo, pode provocar doenças na coluna.
não me alongo mais até porque nunca foi meu hábito gastar cera com ruins defuntos, mas sempre deixo um conselho:
a dignidade e a ética são dos melhores valores que podemos ter.
a hipocrisia política faz mal, por isso lhe digo cuide-se sr. candidato